Artigos,  Medicina Chinesa,  Saúde em geral

O enrijecimento físico e psíquico na terceira idade

Um dos efeitos fisiológicos esperados na terceira idade, sob o ponto de vista da Medicina Chinesa, é o enrijecimento. Esse efeito acontece em todo o corpo, ou seja, tanto no nível mais estrutural, na perda de flexibilidade das articulações e artérias, por exemplo, como no nível psíquico e emocional.

Isso se deve sobretudo à esperada diminuição das funções do nosso corpo e mente. Essas funções são entendidas na Medicina Chinesa como nosso aspecto Yang. Quando o Yang declina, o Yin prevalece. O Yin, neste caso, é nosso aspecto estrutural. Mas isso, obviamente, não significa que ganhamos mais estrutura saudável com a declínio das nossas funções. Significa que teremos sedimentação de estrutura não saudável, como formações de osteófitos, placas de gordura nas artérias e veias, edemas, tumores, só para citar alguns exemplos.

Na verdade a nutrição da nossa estrutura saudável depende diretamente das nossas funções. Portanto, além desse acúmulo de massas patológicas, teremos o declínio da nossa massa muscular, da densidade dos nossos ossos, da força de nossos tendões, da estrutura em si dos nossos órgãos e vísceras.

Mas é importante observar que todo esse mecanismo também acontece no nível psíquico. Com o declínio das funções da mente, passamos a ter mais pensamentos fixos e obsessivos e grande dificuldade para flexibilizar o nosso ponto de vista ou mudar um aspecto emocional.

Da mesma forma, a estrutura do nosso cérebro passa a não ser nutrida adequadamente, o que prejudica ainda mais as funções psíquico-emocionais.

Esse efeito é facilmente percebido por quem convive com idosos acometidos por esse tipo de desarmonia. Sugira uma mudança de hábito para esse tipo de paciente e você terá uma reação que, normalmente, demonstra grande dificuldade em implementá-la. Até mesmo em concebê-la. Muitos passam até a considerar que trata-se de má vontade, não entendendo que esse quadro é próprio do momento de saúde geral em que ele se encontra.

Como prevenção, recomendamos a prática constante de atividades físicas saudáveis, mantendo da melhor forma possível, a força e a flexibilidade do corpo. Essa medida impede em muito que a inflexibilidade da mente se desenvolva, pois os efeitos fisiológicos dos benefícios da atividade física são sistêmicos, ou seja, envolvem também a mente.

Por outro lado, manter a mente, em todos os seus aspectos, aberta, flexível, jovial, favorece em muito um corpo mais saudável, pois a mente tem a capacidade de alterar todos os níveis do nosso corpo, inclusive de melhorar nossas funções em geral. A diversão pode ser uma ferramenta muito eficaz para essa manutenção de uma mente jovem, especialmente se ela tiver o aspecto de nos conectar com o momento presente. Uma dos pilares do enrijecimento da mente é a concepção de que o nosso tempo já passou. Que as coisas do passado foram melhores ou que eu estava mais adequado a elas do que as atuais. Quando consigo me divertir com o que faz parte do agora, eu inevitavelmente me atualizo, o que traz uma flexibilidade incrível para a mente.

Veja que ótimo exemplo do senhor de 84 anos que aceitou o convite do seu neto para jogar pela primeira vez videogame. Não tem como não sorrir vendo suas reações e percebendo o quanto isso é saudável! Para quem gosta de videogame como eu, eles estão jogando Call of Duty Black Ops 2 e Halo 4. O neto até criou um canal no Youtube e agora está perguntando aos visitantes quais os próximos jogos para eles jogarem juntos.

 

One Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *